Atualizado em 07/04/2017 às 11:57:07

Paraná Saudável incentiva boa alimentação e exercícios físicos entre crianças e adolescentes

Imprimir

No Dia Mundial da Saúde, celebrado em 7 de abril, o Governo do Estado lança a segunda etapa do programa Paraná Saudável, que faz parte da Política Estadual de Promoção da Saúde (PEPS). O projeto será direcionado à educação alimentar e à prática habitual de atividades físicas na faixa etária infantojuvenil. O evento de lançamento acontece no Salão de Atos do Parque Barigui a partir das 9 horas desta sexta-feira (7).

“Nossa intenção é prevenir e controlar problemas relacionados ao sobrepeso e à obesidade entre as crianças e os adolescentes. Trabalhando desde a base, fica mais fácil modificar os hábitos. Isso terá um reflexo positivo no futuro desses jovens e também futuro da saúde pública paranaense”, comenta o secretário de Estado da Saúde, Michele Caputo Neto.Paraná Saudável incentiva boa alimentação e exercícios físicos entre crianças e adolescentes

A estratégia inclui o desenvolvimento de material didático para alunos do ensino fundamental e médio e um guia para professores. As publicações serão construídas de acordo com os ciclos escolares ao qual se destinam, com abordagens por meio de histórias em quadrinhos e atividades de ‘risque e rabisque’ e ‘junte os pontos’.

“Dependendo da idade, as crianças não conseguem fazer as escolhas alimentares corretas sozinhas. Quanto antes incentivarmos a uma reeducação, melhores serão os resultados. Entra, então, o papel das políticas públicas”, explica o superintendente de Atenção à Saúde, Juliano Gevaerd.

“A obesidade durante a infância e a adolescência pode dar origem a um adulto com problemas de diabetes, hipertensão arterial e, até mesmo, levar a uma doença renal crônica”, reforça a chefe do Departamento de Promoção da Saúde, Maria Cristina Fernandes. Ela também destaca que os problemas podem aparecer ainda na juventude.

POLÍTICA – O programa Paraná Saudável é uma iniciativa da Política Estadual de Promoção da Saúde, que também será lançada nesta sexta-feira (7). O objetivo é desenvolver estratégias para promover hábitos saudáveis e reduzir os riscos à saúde. 

A PEPS inclui a implementação de ações intersetoriais para estimular a promoção da saúde. Os projetos deverão ser articulados com municípios, setores privados e sociedade civil. A política estimula a formação e educação permanente de gestores e trabalhadores de saúde acerca do assunto.

Serão priorizados temas como alimentação saudável; prática de atividades físicas; controle do tabagismo; enfrentamento do uso abusivo de álcool e outras drogas; mobilidade segura, com campanhas de trânsito; direitos humanos, com ações que estimulem a solidariedade e reduzam a violência; e desenvolvimento sustentável, que englobe assuntos relacionados ao meio ambiente.

PRIMEIRA FASE – Na primeira etapa do programa, realizada em parceria com a Secretaria de Estado do Esporte e Turismo, foi realizado um estudo inédito no Paraná sobre o excesso de peso entre jovens de 12 e 18 anos.

A pesquisa foi feita entre 2012 e 2013 em 361 escolas públicas do Estado, em 94 municípios, com mais de 17 mil alunos. Os resultados mostraram que 22,8% dos estudantes paranaenses estão com excesso de peso e destes, 16% apresentaram índices de sobrepeso, 4,3% têm números que levam ao baixo peso e 6,8% foram apontados como obesos.

Entre outros dados, a pesquisa também revelou os esportes prediletos das crianças paranaenses. O futebol lidera a lista com a preferência de 69,3% dos rapazes e 29,1% das moças. O voleibol é a única modalidade em que as meninas praticam com mais frequência. Enquanto o esporte é o predileto de 41,4% das garotas, apenas 32,1% dos garotos o praticam. 


» Comentários

Postagem em questão: “Paraná Saudável incentiva boa alimentação e exercícios físicos entre crianças e adolescentes”

 

  1. Ainda não temos comentários nesta matéria, seja você o primeiro!!

Enviar Comentário
Nome (obrigatório)
E-Mail (não será publicado) (obrigatorio)
Cidade (obrigatorio)
 
 
Copyright © 2012 - cisnop.com.br Desenvolvimento AbusarWeb